Opinião

Quatro aspectos da contabilidade como ferramenta chave de BI

download

Por Adão Lopes

Abrir uma empresa e fazê-la prosperar não é uma tarefa simples em nenhum momento. Ela demanda esforço, conhecimento e estratégia. Mantê-la saudável exige que muitas frentes de atuação estejam ativas, e talvez a principal delas seja o gerenciamento de recursos financeiros, ou seja, o dinheiro que entra e sai da empresa.

A Inteligência empresarial, o famoso BI (Business Intelligence) é uma das maneiras, na atualidade, de melhor se organizar estrategicamente para a lida com o mercado. O BI engloba o processo de coleta, organização, análise, compartilhamento e monitoramento de informações que oferecem suporte a gestão de negócios, e a contabilidade é uma das ferramentas que mais auxilia na coleta desses dados.

Ela não é apenas uma maneira de estar em dia com tributos e algumas garantias legais, ela é vital para a empresa, pois através dela se tem acesso a dados primordiais de tomada de decisão. Para dar uma ideia de seu potencial, listamos cinco aspectos da contabilidade como ferramenta chave na hora de se utilizar o BI.

Planejamento de investimentos: Ativos, passivos, receitas, custos, despesas, produtividade são só alguns dos aspectos que se pode observar através de uma boa contabilidade. Tendo uma ideia completa do que entra e sai da empresa é possível saber o quanto se tem para investir. Quando houver necessidade, ou oportunidade, se saberá exatamente como fazer o investimento sem impactos negativos para a empresa, apenas potencial de lucro. Os lucros são previsíveis quando se tem dados contábeis em ordem, assim como o planejamento das despesas. Com isso o decisor está sempre um passo à frente do mercado. Com a atual tecnologia é fácil manter a casa em ordem, ter informação de qualidade e relatórios que realmente coloquem a empresa no rumo do crescimento.

Planejamento tributário: O Brasil é um país com muitos tributos. Gerenciar isso é importante, pois muitas multas incidem sobre quem esquece, perde ou negligencia tributos. Conhecer o que se deve ao governo é importante, até mesmo para manter entradas vindas de restituições, por exemplo. Se manter em dia com obrigações tributárias, assim como manter históricos de transações, garante que sempre se terá registros dos atendimentos a seus clientes evitando problemas futuros, etc.

Acesso a crédito: Possuir um controle financeiro rigoroso permite à empresa facilidade em seu acesso a crédito com bancos e fornecedores, por exemplo, assim como ampliar o conhecimento e confiança dos sócios no andamento e crescimento da empresa. É possível saber da saúde para se tomar medidas de socorro ou mesmo aproveitar oportunidades de crescimento.

Ações de marketing e vendas: É engraçado, mas para essas pessoas ela não é um fator crucial, mas é através da contabilidade que se mantem e se ganha dinheiro. Uma estratégia de marketing, de vendas, bons processos e um produto excelente não duram quando recursos são perdidos pela má administração. Até a mais alta torre tende a cair sem uma fundação forte e manutenção apropriada. A contabilidade é a alma da empresa. É ali que estão registrados os fatos, o que a empresa fez e deixou de fazer. Ter uma contabilidade transparente transmite segurança na hora de seu fazer negócios. Ela é o reflexo da empresa. A falta de atenção a isso pode acarretar diversos problemas que vão de irregularidades, até perdas grandes de recursos, seja por roubos ou mesmo oportunidades negligenciadas.

Infelizmente no Brasil ainda temos muitos administradores que não enxergam essa necessidade de cuidado e atenção à contabilidade. Como consequência, empresas fecham o tempo todo. Muitas empresas perdem investimentos, cometem crimes, e não por má fé, mas por desconhecimento da lei, algo que um profissional de contabilidade poderia prover de maneira simples.

O segredo do sucesso é usar esses dados disponíveis para estar sempre à frente, não para simplesmente não ter problemas com multas, por exemplo. Como tudo na vida, a manutenção preventiva é o que garante o bem estar. A empresa agradece e sobrevive, mesmo a tempos difíceis.

 

 

Tags : BIcontabilidade